A influência do Japão na moda.

japao 3

Desde que abriu suas portas ao mundo ocidental no século XIX, o Japão vem sendo fonte de inspiração para muitos estilistas. O primeiro traje japonês importante a ser exportado e amplamente copiado foi o QUIMONO, embora no Ocidente ele tenha perdido muito do simbolismo e da estrutura originais.

Ligada ao ritual e à tradição, a indumentária japonesa concentra-se na relação do corpo com a roupa, sem, no entanto, revelá-lo. No início da década de 70, vários estilistas japoneses haviam se estabelecido em Paris.

japão blog

Hanae Mori usou o quimono tradicional como base para elegantes roupas de noite. Issey Miyake e Kenzo concentraram-se em tecidos e fizeram experiências com a relação entre a roupa oriental e ocidental, misturando tradições japonesas e ideias européias. No final dos anos 70, um tipo diferente de estilista foi do Japão para a Europa. Kansai Yamamoto, Yohji Yamamoto e Rei Kawakubo, da Comme des Garçons, estabeleceram-se em Paris e revolucionaram os conceitos da moda.

Por meio de suas roupas, refletiam uma atitude para com o ato de vestir-se – quase um estilo antimoda – menos preocupada em trajar-se para uma ocasião ou estação e mais envolvida na adaptação constante da roupa japonesa tradicional. Ignorando a ênfase ocidental dada às formas longilíneas e as proporções anatômicas, os estilistas japoneses introduziram dimensões e texturas alternativas.

japão 1

As roupas eram recortadas e possuíam rasgos em locais estratégicos para enfatizar as proporções  e as cores; a estrutura era dominada ou por cores pardas e escuras ou por padrões de texturas ousados. Graças a esses e a outros estilistas, a influência japonesa sobre a moda contribuiu para ampliar os conceitos estéticos. Estilistas ocidentais começaram a criar roupas menos severas, concentrando-se na fluidez e no drapejamento do tecido, conforme os ensinamentos japonês.

Para mais inspiração, abaixo o vídeo que amo do desfile “A Costura do Invisível” do Jum Nakao, estilista brasileiro, mas que é netos de japoneses e trás muita parceria e referências entre Brasil/Japão. O desfile abaixo foi considerado o desfile do ano de 2004 ou até mesmo o “desfile do século” por muitos críticos da moda.

 

*Este texto foi retirado do livro: Enciclopédia da Moda.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s